Postagens

Mostrando postagens de Outubro, 2015

Pobreza

Pobreza

Então é assim, 
arrasta-te feito correntes reverberando tuas  lamentações que vão batendo de porta em porta  pela ruas da cidade, a suplicar piedade, a expor vergonhosamente tuas chagas regadas por lágrimas que quase não mais tens.
Tornaste-te um farrapo, dizes,  em nome do amor, um amor inexprimível, fantástico,  jamais sentido ou devotado, quase humanamente impossível, não fosse, tu mesmo,  o decreto que afirma essa humanidade: tolo, arrogante, presunçoso.
Não!  Nunca destes o sentimento mais bonito! Nunca destes, nada!
Não tens o amor. O amor nunca se dá. Ele não é possuído e se nega possuir.
O amor, é. Não és o amor. Muito menos é o amor a pessoa amada.
O amor está,  ou pelo menos deveria estar, em ti.
Mas, como estaria se nem por ti sentes amor?
Andas assim aos pedaços,  a vender uma alegoria em cada porta, a envergonhar o amor nas esquinas de teu mundo interior, em prática de estelionato.
Não amas!   Não podes dar amor.
Não tens amor por ti e ninguém pode dar o que não tem...

(Paulo da Vida Athos)





Reação da Classe Dominante contra a esquerdas da AL

(1) Paulo David - Reação da classe dominante contra a esquerda no...Reação da classe dominante contra a esquerda no Brasil Querida amiga, boa noite. Perdoe todos os erros ortográficos e outros absurdos, pois desisti de brigar com o corretor automático. Respondo assim de forma aberta, porque inbox me sentiria numa solitária falando nesse tema. Esse não é um jogo para bispos. É jogo de cardeais. Não faz parte dele o que comumente chamamos de elite, que engloba dos que ganham 15000 a 100000 reais por mês, embora esses valores estejam a uma distância abissal do baixo clero, do assalariado, da turma que ganha até 4 salários mínimos. No Brasil, 66% ganha menos de 2500 reais e se subirmos pouco mais, 3500 reais, atingimos 86% da população. Faço esse breve apanhado para introduzir um termo muito usado: elite. Isso que chamamos de elite, que engloba genericamente quem mora na zona sul (Leblon, Ipanema, São Conrado, etc.), essa turma que bate panela nas varandas de alguns prédios de luxo e outr…