segunda-feira, 23 de junho de 2014

Joaquim Barbosa, ministro da justiça de Aécio Neves...


Joaquim Barbosa, ministro da justiça de Aécio Neves...

Aécio Neves anunciou que convidará Joaquim Barbosa para ser Ministro da Justiça.  Cogitar ter como ministro da justiça alguém como Joaquim Barbosa, como anunciou Aécio, apenas se justifica quando se visa fins eleitoreiros. Sua condução como juiz na AP470 foi um desastre, uma aberração, uma lição de como não se faz uma escorreita prestação jurisdicional.  Não é opinião de um petista, de um petralha como gostam de me intitular alguns,  é a opinião dos advogados mais preparados e renomados do país, da direita e da esquerda. A comunidade jurídica, incluindo as associações de magistrados federais e estaduais, a OAB e as associações do ministério público, por todo o Brasil, de uma ou de outra forma, ou de todas, condenaram a passagem sombria desse senhor pelo Supremo Tribunal Federal. Claro que existe um apelo na escolha de seu nome: a condenação de réus, ainda que sem provas, por serem alguns ligados ao PT, usando uma tortuosa teoria.  Isso, condenar petistas, tão ao gosto dos que nutrem ódio pelo único partido que realmente fez algo de notável pelo povo brasileiro mais carente, é o quanto basta para aplaudirem a indicação de um nome tão inapropriado para o cargo de ministro da justiça.  Joaquim Barbosa não tem equilíbrio.  Provou isso.  Aliás, uma das poucas coisas que consegui provar.  A academia e a comunidade jurídica jamais convidariam Barbosa para qualquer cargo: sua truculência reconhecida, impediriam.  Mas, como para derrubar o PT vale tudo, a mídia tradicional vai aplaudir. Assim como a oposição e os despreparados: jurídica,  intectual, e politicamente.

Nenhum comentário:

Meu filho

Tenho em minha vida o homem mais doce que existe, meu filho. Quem tem a felicidade de conhecê-lo, sabe disso. Um cara amigo, leal, com ...