domingo, 15 de junho de 2014

O ódio ao PT derrotará a oposição...

Não é que não concorde com oposição.  Concordo.  Fui oposição e, de alguma forma, sou oposição dependendo de qual governo tenha como referência.  Acho que adversários políticos não mandam flores.  Nunca mandei.  Mas algumas coisas me diferenciam.  Sei reconhecer a envergadura moral, quando existe, de um político a quem faça oposição;  sei reconhecer quando um projeto, uma lei, mesmo partindo de meu adversário na política é um projeto bom, pois para mim um projeto só é bom quando favorece o povo.  Mas nunca semeei o ódio, nunca nutri ódio contra adversários políticos.  Isso não quer dizer que nunca nutri ódio em política.  Estaria mentindo.  Odiei cada torturador e cada assassino que para mim não eram adversários, mas inimigos.  Meus e do povo, da liberdade, da vida e da democracia.  Daí minha dificuldade de entender o ódio que nutrem por Dilma, por Lula, pelo PT, por sua militância e, por extensão, por seus militantes entre os quais me incluo.  O que me consola é saber que esse ódio os derrotarão...

Nenhum comentário:

Meu filho

Tenho em minha vida o homem mais doce que existe, meu filho. Quem tem a felicidade de conhecê-lo, sabe disso. Um cara amigo, leal, com ...