MILÍCIAS: CAI A MÁSCARA!



MOTORISTAS DE KOMBIS ACUSAM MILICIANOS DE AGRESSÃO E EXTORSÃO





Agressores estariam cobrando taxa para permitir circulação de transportes alternativos. Vítimas dizem que foram ameaçadas de morte.



Policiais da 36ª DP (Santa Cruz), no Rio de Janeiro, investigam denúncia de motoristas de transportes alternativos que teriam sido agredidos por um grupo de homens armados na tarde de sábado (6). Os agressores fariam parte de uma milícia que atua na região da Zona Oeste.



De acordo com depoimentos de integrantes da cooperativa São Benedito, nove homens teriam invadido a sede da empresa na Rua Lopes de Moura, número 28, em Santa Cruz, com fuzis e metralhadoras. Eles estavam em uma Blazer e um Ecosport.


Segundo os cooperativados, os invasores teriam exigido dos motoristas o pagamento de R$ 4 mil por semana para que continuassem circulando com suas kombis. Cinco motoristas se recusaram a pagar a taxa e teriam sido agredidos. Depois da confusão, os agressores fugiram.


Os motoristas disseram ainda que desde abril deste ano pagam R$ 3 mil por semana ao grupo. Eles teriam pedido para negociar, já que não conseguiriam pagar o novo valor estipulado e marcaram uma reunião para este sábado à tarde. Por volta de meio-dia, os homens chegaram armados e agrediram os motoristas.


Na delegacia, as vítimas disseram que foram ameaçadas de morte caso prestassem queixa das agressões.

Fonte

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Oração para Oxossi

A guerra perdida: 31 vítimas de bala perdida em 31 dias, no Rio de Janeiro.

A França não merece perdão