sábado, 7 de fevereiro de 2009

HÁ DEZ ANOS PASSADOS A POLÍCIA ESTAVA BANDIDA. E HOJE?


Mãos ao alto!

Há bandidos demais na polícia. A população carcerária é de 170 000 pessoas, ou 0,1% da sociedade. Há 15 000 policiais acusados de crimes graves, o que dá 3% do efetivo das polícias.


A taxa de crimes está crescendo.

As acusações de roubo, extorsão, tráfico de drogas e homicídio contra policiais subiram 400% nos últimos cinco anos. As ouvidorias recebem 3 000 denúncias contra policiais todos os meses. Proporcionalmente, é 100 vezes mais do que serviços semelhantes na Inglaterra.


Homicídio é o delito mais comum.

Proporcionalmente, os policiais respondem até dezesseis vezes mais a homicídios do que os não policiais.


Roubo vem em segundo lugar.

Também proporcionalmente, o crime patrimonial é até cinco vezes mais comum entre policiais do que entre não policiais.


Nas quadrilhas, eles são maioria.

Em São Paulo, 60% das quadrilhas investigadas por prática de crime organizado têm policiais envolvidos.


A polícia civil é campeã em acusações.

Comparados os efetivos das três polícias (federal, militar e civil), a civil é acusada de ter cometido uma quantidade de crimes 2,5 vezes maior do que a Polícia Militar, que está em segundo lugar no ranking. O critério é proporcional.


A cúpula é pior do que a base.

Para cada denúncia de crime contra um investigador da polícia, existem treze denúncias contra um delegado. Na PM, a proporção é de 15 denúncias contra oficiais para cada denúncia contra um praça.


Não está mais que passando da hora de se fazer nova pesquisa para comparação? Dou maior força!

Fonte

Nenhum comentário:

Meu filho

Tenho em minha vida o homem mais doce que existe, meu filho. Quem tem a felicidade de conhecê-lo, sabe disso. Um cara amigo, leal, com ...